dance dance revolution — !

E o caminho lá da rua no fim de tarde, é rua cheia. Pipa bola botecos igrejas cadeiras. De quem são as ruas? A autocensura mediando às expressões, nas ruas. Vozes veladas.
O ping-pong do resto de tudo, madeira.

Como falamos. Como somos. Qualquer esforço natural nesse sentido será bom
–Oswald da Andrade: Poesia Pau-Brasil

pingpong - 6

pingpong - 5

pingpong - 4

pingpong - 3

pingpong - 2

pingpong - 1

na Rua Mariz e Barros, antiga Estrela. Bairro do Telégrafo. Belém-Pa

20. March 2008 by midiadmin
Categories: Blog | Tags: , , , | Leave a comment

Leave a Reply